sábado, outubro 28, 2006

Sweet Potato



Ganhei uma sacola cheia de batatas doces da minha acupunturista. Foram colhidas por sua sogra, uma jovem de 80 anos, imaginem só! As batatas são de cor amarelada, a minha favorita por ser mais cremosa e macia. Adoro comer batatas assadas, cozidas no vapor ou em tempurás. Como ainda tenho mais algumas resolvi fazer um doce bem comum aqui chamado Sweet Potato. A receita dada pela acupunturista era bem simples: cortar as batatas no sentido do comprimento, cozinhar no vapor, retirar a batata com uma colher e amassá-la ou passá-la na peneira. Juntar açúcar e creme de leite e rechear as cascas. Acertar a superfície com colher e pincelar gema. Assar em forno bem quente até corar.
Muitas receitas que procurei na net eram basicamente assim, mas esta que vou postar aqui me chamou a atenção pelos seus ingredientes bem diferentes da tradicional.
As batatas que ganhei tinham formatos bem irregulares, mais finas de um lado, gordinhas de outro... não me animei a rechear as cascas e fiz dessa forma, em forminhas de alumínio.
O brandy deu realmente um toque diferente ao doce que gostei muito. Já o cream cheese quase não senti seu sabor na massa, mas achei um substituto bem melhor do que manteiga.
A receita original você encontra aqui, onde poderá ver em formato de batata doce.


Sweet Potato

200g de batata doce pesada sem as cascas (uma de tamanho médio)
30g de açúcar
20g de cream cheese
1 colher (sopa) de brandy
20cc de creme de leite
algumas gotas de essência de baunilha

Corte a batata em rodelas de 1 cm e retire a casca. Coloque numa panela com água suficiente para cobri-las. Cozinhe até que um palito atravesse a batata facilmente. Escorra a água e volte com a panela ao fogo para evaporar a água que tiver sobrado.
Enquanto ainda estão quentes, esprema ou passe as batatas na peneira. Junte o cream cheese e o açúcar. Em seguida, misture o creme de leite, brandy e baunilha. Mexa tudo muito bem e coloque num saco de confeitar com bico pitanga grande. Esprema a massa nas forminhas de alumínio (usei uma de 5cm de diâmetro e rendeu 15 unidades) e leve para o oven toster preaquecido. O oven toster é um forninho elétrico para tostar pães, mas se você não o tiver, use o forno mesmo mas em temperatura bem alta, mais de 200oC. Deixe assar até corarem.

10 comentários:

Patricia disse...

Clarice, não sou muito fã de batata doce, mas adoro comidinhas pequeninas assim, tão lindinho ficou o teu doce!
Muito criativa a sua forma de servir!

Fezoca disse...

Akemi, eu amo batata doce, como ate pura, so cozida, sem sal, sem nada! Essa receita esta bem legal. beijos!

Karen disse...

O doce ficou tão bonito assim! Essa sua acunpunturista é super bacana!

valentina disse...

Clarice, que linda esta forma de fazer estas batatas.Gostei muito.PArabéns por uma escolha tão bacana. xx

miki w. disse...

akemiiiiiiiii que foto mais linda! a ifigênia arregalou os olhos de vontade - rs! vc é muito caprichosa, isso aqui tá um terror, dá vontade de abocanhar o monitor!
bjs e bom domingo,
miki

Akemi disse...

Patricia, ficam mais delicados ne?

Fezoca, tbm costumo comer batata doce assim na maioria das vezes. Tão bom!

Karen, às vezes fico sem graça de tanta coisa que ela me dá todas as vezes que vou lá! Estou retribuindo com pães.

Valentina, obrigada, amiga!

Miki, morro de rir com nossas Ifis...rs Um ótimo domingo para vc tbm, amiga! ;-)

Ana disse...

Adorei a ideia de faze-las nas forminhas, ficaram muito fofas!
Eu tbem gosto das sweet potatoes, mas das daqui dos EUA, as q sao cor de laranja. As batatas doces do Brasil eu nao sou fa nao, nunca gostei quando pequena, o pior eh q meu pai adora e minha mae fazia sempre la em casa... argh!
Ana

Akemi disse...

Ana, agora com seu post que vi que escrevi potato errado! kkkk
Oww inglês fajuto! :-P
Então, estou morta de curiosidade para saber como é o sabor desta batata doce laranja. Fico a salivar ao ver nas fotos da Valentina! Bom, sou meio suspeitíssima para falar de batatas, adoro de todos os tipos! A do Brasil é realmente meio esfarelenta, mas eu topo todas! rsss
Beijos a todas! ;-)

Karen disse...

É que vc escreveu o potato como os japoneses! ;-)

Akemi disse...

Karen, foi isso mesmo! rss

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails