sexta-feira, julho 28, 2006

Makizushi



Nas minhas memórias, sushi sempre foi um prato de festa em casa. Lembro de minha avó preparando os ingredientes do recheio: cortando a cenoura, cozinhando o kampyô, fazendo a omelete doce, temperando o arroz e me pedindo para abanar enquanto ela misturava com cuidado para não quebrar o arroz e virar papa. O cheiro do vinagre de álcool era forte, daqueles odores que entram pelo nariz e parecem te sufocar, por vezes prendia a respiração nesta operação! rs
Depois ela passava as folhas de nori no fogo do fogão para que ficassem mais secas e saborosas. Era um processo rápido, vapt vupt senão as folhas poderiam pegar fogo. Também me preocupava se minha avó não iria queimar a mão fazendo isso, mas ela fazia numa calma impressionante, sabendo quanto tempo exato deixar no fogo.
Logo ela estava com sua esteirinha de madeira, preparando estes quitutes que todos saboreavam com enorme prazer, afinal eram poucas as ocasiões no ano que podíamos comer os "pneuzinhos", como chamávamos carinhosamente.
Foi só chegando aqui que descobri que sushi tem uma variedade enorme de formas e recheios, niguirizushi, makizushi, hosomaki, tirashizushi, uramaki... mas para mim, falar de sushi me traz imediatamente esta imagem, do arroz enrolado na alga, não tem jeito.
Minha avó preparava os recheios da maneira mais tradicional, com ingredientes clássicos da culinária japonesa. Já minha mãe prepara um sushi mais "moderninho"...rs Mais parece um sanduíche, mas adoro quando ela os prepara. Já faz um bom tempo que não como e estes dias me deu vontade de comer. E quando a vontade vem, preciso fazer! Resolvi arriscar a prepará-los, apesar de nunca ser bem sucedida, o recheio costuma sair em todos os lugares, menos no centro do rolinho!
Desta vez, até que eles não saíram mal de todo, só no finalzinho dos rolinhos eles ficaram meio bagunçados. O sabor também não estava ruim, mas creio que receitas como esta são daquelas que, por mais que você faça, por mais que existam milhões de receitas, vai sempre ficar aquele gosto das nossas lembranças de comida de avó, de mãe, que jamais será superado!

Makizushi

4 folhas de nori

2 copos de arroz japonês (copo medida de 180cc)
água suficiente para cozinhar o arroz

Tempero do arroz:
80ml de vinagre de arroz
1 colher (sopa) cheia de açúcar
1/2 colher (chá) de sal

Recheio:
1 cenoura média
1 pepino japonês
4 folhas de alface lisa
2 ovos
1 lata pequena de atum
2 colheres (sopa) de maionese
sal e pimenta à gosto

Misture todos os ingredientes do tempero do arroz e reserve.

Descasque a cenoura, corte ao meio no sentido do comprimento e depois em palitos grossos de mais ou menos 1 cm. Coloque numa panelinha e leve para cozinhar em água temperada com um pouco de shoyu, sal e açúcar. Deixe até ficar macia, mas não muito mole. Escorra e deixe esfriar.

Corte o pepino ao meio no sentido do comprimento e depois ao meio novamente.

Bata os ovos e tempere com um pouco de sal e açúcar. Faça uma omelete numa frigideira pequena, usando um pouco de óleo para untar. Procure não queimar a omelete preparando-a em fogo médio para baixo. Depois, corte em tiras de cerca de 1 cm.

Escorra o óleo do atum, despeje numa tigelinha e tempere com maionese, sal e pimenta.

Lava as folhas de alface e seque bem em papel toalha.

Cozinhe o arroz mas deixe-o levemente duro. Se você usar a panela própria para cozinhar arroz, coloque no modo "katame/sushi".
Depois de cozido, despeje numa bacia grande e larga, o ideal são vasilhas de madeira próprias para o preparo do arroz de sushi. Se tiver esta vasilha, umedeça previamente com água e despeje o arroz. Espalhe bem o arroz e despeje o tempero, espalhando também sobre todo o arroz. Se você tiver algum ajudante de cozinha, peça para que ele ou ela abane enquanto você mistura o arroz, envolvendo os grãos no tempero. Faça isso como se estivesse cortando o arroz. Se não tiver ajudante, simplesmente misture bem e cubra com um pano de prato úmido e deixe esfriar.

Abra a esteirinha de madeira (se não tiver, use um filme plástico ou folha de papel alumínio mesmo). Coloque uma folha de nori, com a parte brilhante voltada para baixo. Divida o arroz em quatro, peque 1/4 e coloque sobre o nori. Deixe preparada uma tigelinha com água perto e vá umedecendo a ponta dos dedos nela para espalhar o arroz sobre todo o nori, mas deixe livre, sem arroz, cerca de 2cm no canto de cima. Procure espalhar bem, não deixar lugares com muito arroz ou buracos. Coloque uma folha de alface sobre o arroz e vá colocando os demais recheios. Coloque-os bem no centro do quadrado de arroz, não vá tomar como ponto de referência o quadrado do nori! Agora vem a parte mais trabalhosa, o início do rolinho. Você precisa, com a ajuda da esteira de madeira, ir enrolando sem tirar o recheio do lugar, ao mesmo tempo em que vai levando a esteira para que esta não seja enrolada junto com o arroz. Vá com calma para que o recheio não acabe saindo para fora. Depois de enrolar o sushi, enrole com a esteira de madeira e faça uma pequena pressão em toda a volta para firmar o arroz. Pelos lados e com o dedo umedecido, aperte o arroz levemente para dentro do rolo. Desenrole a esteira, coloque numa tábua de cortar e, com uma boa faca umedecida, vá cortando o sushi. Primeiro corte ao meio, depois cada meio ao meio e por fim, cada 1/4 ao meio novamente. Na hora de cortar faça movimentos de ir e vir, não aperte. Procure limpar a faca a cada corte num papel toalha e umedecer novamente. Depois é só colocar num prato bonito e servir com conserva de gengibre.

12 comentários:

mamy disse...

aiaiai, amiga!Este norimaki vai ser dificil pra mim...enrolar eh o mais trabalhoso!Nunca fiz assim com atum, vou "tentar" agora no yasumi!Acho que farei com nori menor, assim eu so corto ao meio...mas realmente o da mae da gente eh inesquecivel, ne? Estou adorando seguir suas receitas!Da certinho! Beeeijo!

Akemi disse...

Mamy, vc nem imagina como eu sofro para enrolar! Chega a dar suadouro! kkkk Puxa, agora falta pouco para o yasumi, finalmente ne! Espero que goste do sushi com atum, mas sabe que eu acho mais complicado enrolar com metade do nori!!!! Depois vc me manda a foto de como ficou, plis! Se cuida e ótimo findi pra vcs! Bjsss! ;)

Karen disse...

Minha mãe também faz o makizushi como a sua avó, sempre que há uma reunião de família, alguém faz uma porção! É comida caseira, não é?
Eu também sempre sofro para enrolar! As pontas ficam feias e é a parte que costumo cortar e comer antes de servir, para "esconder". rs Minha mãe faz direitinho! Bom final de semana!

valentina disse...

Clarice, que lindos.E que post lindo.Adorei ler cada palavra. Tenho a esteirinha, comprei o nori..mas fico com medo de preparar.Pode?

Akemi disse...

Karen, sushi é uma coisa que preciso fazer mais vezes para melhorar sua aparência. Estamos no mesmo barco, amiga! rs
Bom final de semana para vc tbm!

Valentina, tente fazer um dia desses. Mesmo que não saia perfeito, o importante é tentar!
Beijos e bom final de semana!

Ana disse...

Ha, eu sou igual a Valentina, tenho a esteirinha, o nori, e ate comprei o arroz esses dias, mas ainda nao fiz sushi em casa... tbem preciso tomar vergonha na cara e aprender! hehe!!
Eu gosto mais quando nao tem peixe cru no meio... da p/ dizer q nao sou oriental mesmo, ne! hehe!
Ana

Akemi disse...

Ana, tem muitos descendentes e até mesmo japoneses que não gostam de peixe cru. E já vi não-descendentes de japoneses que apreciam culinária japonesa mais do que descendentes! rs
Experimente fazer sushi com meia folha de nori para ir treinando, coloque só um ingrediente como recheio, são chamados hosomaki ou teppozushi. Beijos e bom domingo, amiga! ;)

Elvira disse...

Tão bonitos que ficaram!

Akemi disse...

Elvira, obrigada!

deborah disse...

AKEMI,parabens pelo seu blogger...muito bem eleborado otimas dicas de receitas ,estou adorando ....ainda nao nos conhecemos mas espero um dia poder.....beijos e meus parabens ..........

Akemi disse...

Deborah, muito obrigada pelos elogios! É um grande incentivo ler comentários assim, apesar de que sei que preciso pelejar muito para chegar perto de outros ótimos blogues culinários. Mesmo assim, vou me aventurando e fazendo minhas experiências na cozinha. Espero que venha me visitar outras vezes e quem sabe, no futuro, possa conhecer todas vcs! Beijos! ;)

MICHAEL SENSHI disse...

Oi Akemi! recebi suas sugestões que eu pedi por email, como sempre otimas.
Vou fazer tudo com carinho, espero poder fazer algo que demonstre meus sentimentos e com certeza chega aos sentimentos de quem saborei meus pratos.
A anos estudo nihongo e culinaria japonesa, mas nunca tinha encontrado alguem que escreve se com tanto amor e paixão, sinto cada momento seu quando leio suas receitas, com certeza tem uma grande parte sua em cada receita.
Obrigado mesmo porq nos deleitar com suas palavras.
Estou tentando agora fazer furikake de shisho, comprei as folhas , salguei e prensei por 5 dias, agora vou secar , só nao sei o que faço daqui pra frente, pode me ajudar?

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails