domingo, maio 21, 2006

Rosca de figos e frutas vermelhas



A massa desse pão é divina! Super macia e pode ter mil variações, coloque o recheio que quiser, doce ou salgado, você vai se surpreender com a sua versatilidade. Única coisa chata é que a massa é CHATA, grudenta mesmo, mas o segredo para pães fofos e macios está justamente nisso, precisa ser muito trabalhada, sovada, tem que suar muito (e como suei!) mas no final o resultado compensa todo esse esforço.
Peguei a receita de um livro de pães que comprei recentemente. Traduzindo o título seria algo como Livro para fazer pães grandes! Estranho? Bom, a autora colocou 3 massas básicas de grande quantidade para os padrões daqui (300g de farinha de trigo! Deixa ela saber que no Brasil o padrão é de 1 kg para cima ne? Mas na verdade, a maioria das receitas aqui utilizam cerca de 150 a 200g de farinha de trigo) e a partir delas fazer pães diversos.
Na receita original ela usa passas e frutas cristalizadas, mas estava com um pacotinho de frutas vermelhas e figos secos à toa na despensa e resolvi utilizá-los. Adoro frutas secas mas você pode variar usando chocolate picado, geléias, nozes diversas ou fazer cinnamon rolls com a massa. Para pães salgados, coloque os frios que preferir, sempre lembrando para tirar o excesso de umidade antes de empregá-los.


Rosca de frutas

300g de farinha de trigo para pão
6g de fermento seco para pão
20g de açúcar
5g de sal
1 ovo mais leite morno até completar 210 a 220g
30g de manteiga sem sal em temperatura ambiente
200g de frutas secas de sua preferência
açúcar cristal e ovo batido para pincelar

Misture metade da farinha com o fermento. Junte o açúcar e o sal. Despeje o ovo misturado com o leite, misture bem e rapidamente até ficar uma massa elástica e que levante bolhas. Junte o restante da farinha e a manteiga e misture com colher de pau com cuidado. Quando a farinha for toda absorvida, jogue a massa na mesa e comece a sovar até ficar macia e homogênea (10 a 15 minutos). Abra a massa num quadrado de 20x20cm e espalhe metade das frutas. Dobre a massa em 3 como um grande rocambole. Espalhe o restante das frutas na superfície da massa e enrole como rocambole novamente da direita para esquerda ou vice versa. Faça uma bola com a massa, cubra com filme plástico e deixe fermentar por 1 hora. Se a massa tiver dobrado de volume, dê uns soquinhos na superfície para tirar o gás acumulado. Tire da vasilha e faça uma outra bola com a massa. Deixe coberta com pano por 15 minutos. Depois disso, amasse o centro da massa como se fosse sovar. Nessa parte amassada, abra um buraco e vá abrindo pouco a pouco até que caiba uma forminha de pudim ou empada. Coloque a rosca numa assadeira forrada com papel manteiga e coloque a forminha de pudim enrolada com papel manteiga também no buraco da rosca. Cubra com filme plástico e deixe fermentando por mais 30 minutos. Pincele toda a superfície com ovo batido, e faça talhos com faca umedecida em água nas partes que mais cresceram. Polvilhe açúcar cristal e leve para assar em forno pré-aquecido a 200oC por 10 minutos. Passado esse tempo, tire a forminha de pudim do centro, baixe a temperatura do forno para 180oC e deixe mais 15 ou 20 minutos. Deixe esfriar sobre uma grelha.

7 comentários:

Karen disse...

Muito bonito! Tem cara de ser bem fofo mesmo, se bem que parte da massa grudenta não é muito atrativa, odeio ter trabalho com massas em geral. rs
Acho ótimo que as receitas japonesas sejam em medidas pequenas, como somos só duas pessoas, é sempre um problema adaptar aquelas receitas tamanho família!

valentina disse...

Amiga, linda esta receita. estou apaixonada. Como a karen nao gosto de massa grudenta mas como vou até fazer curso de pao nao posso ser preguiçosa.bjs.

renata disse...

Uma fatia iria me sustentar por todo o dia. Que sonho! Bem, aqui frutas secas só aquelas natalinas hi hi mas no Mercado Municipal de São Paulo tem até melancias. Em tempo, aqui em Brasília vamos ter brevemente um Mercado Municipal também, quem sabe..

Akemi disse...

Karen, às vezes tenho que dobrar as receitas aqui de tão pouquinhas que são! rs

Valentina, amiga, estou esperando as novidades desse seu curso de pães!

Renata, apesar de ser de São Paulo, nunca fui no Mercado Municipal! Sei que tem muuuuuitas coisas gostosas, espero que o que vai ser inaugurado em Brasília seja tão ou melhor ainda! Bjos!

Elvira disse...

Não tarda, os meus figos ficam maduros. Vou ter que exprimentar esta receita!

Marina disse...

Adorei o pão com recheio de mortadela, feito pela nossa miga!!!
Eu....adooooro pães, e gosto muito de fazer também, vou experimentar a receita em breve...
Valeu Clarice!!

Akemi disse...

Arigato, Marina, pelos comentários! É muito bom ficar sabendo que as pessoas fazem e gostam das receitas que compartilho aqui! Espero que tenha sucesso com a massa deste pão!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails